Início Destaque A eleição de José Tude aumenta envergadura de Camaçari e qualifica mais...

A eleição de José Tude aumenta envergadura de Camaçari e qualifica mais a ALBA

Prefeito de Camaçari Elinaldo Araújo, e lideranças, durante ato de adesão e apoio a candidatura de José Tude para Deputado Estadual e Paulo Azi Deputado Federal.

A Bahia vivencia momentos de declínio econômico e piores indicadores sociais do país. Apesar de possuir um dos maiores PIBs dentre os demais estados da federação, cerca de 1,3 milhões de baianos estão desempregados, fazendo a Bahia ocupar as últimas colocações do Brasil (entre os três piores estados).

Diante do quadro gravíssimo, o momento eleitoral pode nos proporcionar mudanças em todas as esferas, possibilitando soluções das políticas sociais e em prol de resultados positivos.

http://camacarinaintegra.com.br/wp-content/uploads/2020/05/300x250.png

Dentre as alternativas de renovação, o vice-Prefeito de Camaçari, José Tude (DEM), desponta como o postulante a uma das cadeiras da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (ALBA), possuindo um currículo de envergadura política que o credencia a liderar sensíveis transformações na ALBA.

Comicio de adesão em prol das candidaturas de José Tude Deputado Estadual 25.123 e Paulo Azi Deputado Federal 2526, em Camaçari

No tocante a empregabilidade, José Tude, participou da primeira onda de geração de empregos no município com a instalação do Polo Petroquímico, e liderou quando prefeito a segunda grande onda com a vinda do Complexo Automotivo da FORD, as indústrias de pneus (Firestone, Bridgestone, Continental), Polo de Apoio, Polo Plast, dentre outras que ali se instalaram e impulsionaram a qualificação e geração de empregos para os baianos de toda região metropolitana.

A experiência exitosa na administração pública de Camaçari, proporcionou a José Tude três mandatos de prefeito de uma das cidades mais importantes do Estado, além de ter sido eleito na legislatura estadual e federal. Tude desenvolveu projetos que trouxeram muitos resultados no município, a exemplo do Banco de Empregos e a Casa do Trabalhador, proporcionando a qualificação, treinamento e direcionamento de empregos para os munícipes.

Tude discursando para população durante comicio em Camaçari

“A Bahia precisa recuperar a confiabilidade e credibilidade para que os investidores e grandes industrias possam ser atraídas a investir no Estado.”

Além do desemprego, a violência tem tirado a paz dos baianos. A gestão de segurança do governo do Estado foi reprovada pela população, devido as altas taxas de homicídios nas cidades baianas reveladas pelo Atlas da Violência. Das 10 cidades mais violentas do Brasil, 5 são baianas, o que revela a ineficiência da gestão de segurança pública do Estado.

Tude faz duras críticas ao governo de propaganda do PT, e afirma que a política de segurança não pode ser só a repressão ao crime organizado de forma isolada.

“O governo do Estado deve gastar menos com propaganda e investir mais em políticas públicas para os jovens que são as maiores vítimas DA VIOLÊNCIA, pensando na Cultura, no Esporte, na educação, visando a qualificação técnica, para o estimulo do primeiro emprego. ”

A educação da Bahia também entrou em retrocesso, e já é desde 2017 o pior ensino médio do Brasil, de acordo com o Ideb. O modelo segue na traseira, agravando cada vez mais o quadro educativo. Em contrapartida, entre os 10 primeiros colégios estaduais baianos mais pontuados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016, nove integram a rede de ensino dos Colégios da Polícia Militar da Bahia (CPM).

Tude que é formado em administração de empresas e também possui carreira militar (chegando ao posto de capitão do Exército), defende o conceito das escolas militares que pautam a disciplina pedagógica, estímulos institucionais de perseverança e contribui na formação de cidadãos autônomos. Consolida a ideia de que é necessário observar os índices de excelência dos colégios militares, buscar a implantação do modelo em outros colégios estaduais, além da construção de mais colégios militares no Estado.

Ainda na educação, o vice-prefeito de Camaçari, José Tude liderou o grupo de trabalho que trouxe a UFBA para Camaçari, o SENAI, o CIMATEC, e além de ter tido êxito na instalação do campus da UNEB agregando valor à educação e qualificação para os jovens. Quando prefeito, Tude também criou importantes projetos que estimularam a educação superior, como o Bolsa Universitária, e o Transporte Universitário gratuito.

“Hoje com a implementação de políticas afirmativas na educação de Camaçari, exportamos mão de obra de graduação superior, mas o acesso à cultura e a educação precisa ser também uma política de Estado. ”

José Ronaldo (DEM) e José Tude (DEM) durante carreata no interior.

José Tude é candidato a Deputado Estadual assumindo dentre outras atribuições, a de recuperar o protagonismo político de Camaçari, através de atuação marcante na ALBA. Trás consigo a bagagem de ter gerido órgãos públicos, tais como, Prefeitura de Camaçari, Presidência da UPB, Presidência da CONDER. Desenvolveu estudos sobre o impacto ambiental da Linha Verde; participou da coordenação da reforma do Pelourinho; levou a UNEB para Camaçari; implantou os parques metropolitanos de Pituaçu, Abaeté, e Parque da Cidade; implantou portos e saneamento na Baía de Todos os Santos, entre tantas contribuições de sua intensa vida pública.

Escrito por Tiago Medeiros.
http://camacarinaintegra.com.br/wp-content/uploads/2020/05/300x250.png