Rui Costa volta atrás e adere apoio a Bolsonaro ao sugerir que prefeitos mantenham comércio aberto

O governador da Bahia, Rui Costa, parece estar alinhado com Jair Bolsonaro no que diz respeito à reação à pandemia do novo coronavírus. Depois de dizer que o Covid-19 era apenas “resfriado” e uma “gripe comum” em algumas pessoas, agora o petista sugere a abertura do comércio e que os trabalhadores voltem a vida normal para não prejudicar a economia.

Em transmissão ao vivo pelo YouTube nesta quinta-feira, 26, o petista sugeriu ainda prefeitos de municípios baianos mantenham comércio e feiras livres funcionando.

“Cidades que não tenham casos confirmados podem manter algumas atividades, como feiras livres, e evitar medidas mais drásticas, inicialmente”, afirmou o governador.

Depois de pedir a Bolsonaro para fechar os aeroportos, o governador agora mudou o tom e afirmou que a orientação é não fechar as rodovias que cortam o estado.

“Isso não ajuda em nada. Muito pelo contrário, pode causar problemas de abastecimento, pois precisamos manter a comunicação e a circulação daqueles que, nesse período, precisam de fato ir e vir, como pessoas que fazem tratamentos de saúde em municípios diferentes de onde residem”, afirmou.