PP de olho na sucessão de Rodrigo Maia (DEM) na Câmara Federal

Hoje o Centrão orbita em torno de Maia, mas não o segue fielmente e nem tem a coesão de outros tempos. O DEM, de Maia, busca se distanciar do grupo, o que fez marcando posição sobre a pauta econômica e em discursos. O próprio presidente da Câmara, após ser atacado em manifestações, voltou a articular com um conjunto mais amplo de deputados, que inclui novatos e integrantes de partidos de oposição.

Segundo o jornal Valor, existe uma disputa acirrada entre Arthur Lira e Aguinaldo Ribeiro, ambos do PP, pela sucessão de Rodrigo Maia:

“Há disputas mais veladas e silenciosas, segundo líderes ouvidos pelo Valor. A principal é saber quem, de fato, comanda os votos do Centrão e que terá mais condições de suceder Maia em 2021. Líderes veem uma rixa entre o líder do PP, Arthur Lira (AL), e o do “bloco da maioria”, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), escolhido por Maia como líder do governo Temer e agora como ‘comandante do Centrão’.”