Ministro do STF recebe mesada de R$ 100 mil da esposa

O futuro presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, recebe, além dos vencimentos normais do cargo de ministro, uma mesada de R$ 100 mil paga por sua atual esposa Roberta Maria Rangel.

Roberta é dona de um escritório de advocacia com causas milionárias no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), conforme publicação da revista Crusoé.

No total, Dias Toffoli teria ganho mais de R$ 4,5 milhões, mas os pagamentos nunca foram sinalizados ao COAF.